Meu primo meteu bem gostoso no meu cu

Categoria: 

Meu nome é Danielle mas pode me chamar de Danny, eu sou ruiva, bem branquinha dos olhos verdes, tenho 25 anos, mas a primeira vez que eu dei tinha 18 e vou contar isso agora.

Eu moro no interior e minha família é muito grande, tenha muitos primos e primas lindos, eu tenho um primo que se chama Israel (moreno claro, magro, e cabelos pretos lisos) por quem sempre fui apaixonada, desde pequena nos brincávamos, dormíamos juntos, e aprontávamos juntos, o tempo foi passando.

Meu primo foi embora da minha cidade, 8 anos se passaram e ele voltou pra minha cidade, e adivinhem ele veio dormir aqui em casa (kkkkkkkk u.u), a gente conversou muito e na hora de dormir eu perguntei:

-Namorando?

-Não, e você?

-Também não.

-Sério? Você é tão linda.

Me veio um frio na barriga quando ele disse isso, comecei a imaginar milhares de coisas, ficou uns segundos em silêncio e falei:

-Você me acha mesmo?

-Claro que sim.

Ai eu vi que seria hoje, então quis apimentar a conversa, perguntei:

-Você é virgem?

-Não, e você?

-Sou sim, bucetinha lacrada (kkkkkk).

Começamos a rir e ele falou:

-Que estranho você falar assim

- É por causa do tesão da conversa…

-Você já viu um pau?

Ele perguntou.

-Só em pornôs.

Ai ele disse.

-Quer ver o meu?

Veio de novo um frio na barriga, e falei.

-Deixa eu ver se esse cacete cresceu desde aquele tempo.

Ele botou pra fora um pau de uns 19cm meio grosso, moreninhos de cabeça roxa toda babada. Ai falei.

-Nossa!

-Cresceu muito?

-E como.

Só depois a ficha caiu.

-Ei!!! Você está excitado!!!

-Claro que estou, uma garota linda como você pedindo pra ver meu pau…

Como já estava louca de tesão falei.

-Ele tá sujo aqui posso limpar?

Ele acenou com a cabeça dizendo que sim. Então sem mais nem menos meti aquela vara na boca e comecei a limpar o sujinho (que era a baba kkkkk). Ele começou a arfar de tesão e falou.

-Você é virgem mas chupa tão gotoso.

-Eu nunca dei minha buceta, mas já chupei muito um cara e dei o cú pra ele me ajudar com os trabalhos da escola

-Cala a boca e continua chupando vadia!!!

-ah!!!

Chupei uns 5 minutos até ele me gozar muito na minha boca e no meu rosto, ele me puxou pelos cabelos e me beijou tão gostoso (quem gosta de beijo gozado comenta ai kkkk) e lambeu a porra do meu rosto, a gente se beijou muito ai ele disse.

-Tem hidratante?

-Pra quê?!

-Pra mim fuder teu cú

Eu pulei da cama peguei o hidratante no guarda roupas e passei no pau dele.

-Fica de quatro que nem aquela vez cadela!

Eu como puta submissa que sou acatei a ordem e fiquei de quatro. Ele então enfiou de uma vez no meu cú e começou a me fuder.

-hummm hummmm

-ISSO GEME CADELA…. GEME PRA MIM!

E eu só gemia, até que gozei gostoso numa siririca, que orgasmo foda, eu cai na cama e ele continuou metendo fundo em mim, até que ele socou tudo no meu meu cú, prendeu a respiração e gozou, me enchendo de porra e deitando sobre mim beijando e chupando meu pescoço.

Ele se ajoelhou na cama e me vendo naquela posição, deitada de penas abertas meteu a cara na minha buceta por uns instantes depois me beijou e disse.

-Boa noite meu amor.

https://www.casadoscontos.com.br/texto/201712355

Compartilhe com amigos

Copiar Link Whatsapp Twitter